quinta-feira, 3 de julho de 2008

Tudo por dinheiro

O secretário estadual de Comunicação Jorge Henrique Bezerra Nogueira de Queiroz e o cineasta Maurice Capovilla viveram momentos de pânico no final da tarde de ontem no centro de Rio Branco, quando entraram numa casa lotérica para tentar a sorte no prêmio acumulado de R$ 23 milhões da Mega-Sena.

Jorge Henrique contou que "demorou a cair a ficha" quando os dois menores anunciaram o assalto.
- Deu um branco total. Eles aparentavam estar muito drogados e eu só consegui começar a rezar quando sairam.
Quando o secretário decidiu entrar na casa lotérica, ouviu do cineasta que este já estava com 72 anos e nunca fora sorteado em nada. Após o pânico, Capovilla telefonou para saber como estava o amigo Jorge Henrique.
- Estou bem, Capô, mas você, além de não ter sorte, é pé-frio - respondeu. Leia mais

Um comentário:

Márcio Chocorosqui disse...

Boas caricaturas, sobretudo a do cineasta Maurice Capovilla. Mas não se identifica o lugar onde eles estão. Sabemos que o assalto ocorreu numa lotérica e de toda a situação. Quem não sabe disso, não vai conseguir entender direito.
Mas deixa. Fica o registro, em forma de humor, de um fato tenebroso para os envolvidos. Capovilla e Jorge Henrique fazendo seus jogos. É... o cinema e a TV não dão dinheiro mesmo. Socorro!